29 de jan de 2010

Messenger Group

Queridos, temos um grupo no MSN que dá pra falar com um monte de gente que está online e adicionado em nosso e-mail. Quer fazer parte? Adiciona rugbydecalcinha@hotmail.com . Para visualizar o grupo, abra nossa janelinha e digite qualquer coisa. Depois aceite o convite que aparece, para acessar o grupo. Depois, divirta-se! :)

Beijo
Continue lendo...

And the Oscar goes to... Invictus!


Tô ansiosa para assistir o mais novo filme sobre rugby. Já assisti o Forever Strong, do direto Ryan Little e escrito por David Pliler que é muito bom, com partes engraçadas (como na hora de levantar o carro) e trágicas (a morte do capitão dos Highlands Rugby). Enfim, vale a pena assistir. Mas... um filme de rugby feito pelo Clint Eastwood (ele é demais!), que tem temática social lindíssima e que já foi indicado a três Globos de Ouro? Deve ser loucura! E com atores monstros como Morgan Freeman no papel de Nelson Mandela e Matt Damon como o capitão do Springbocks... Isso só me deixa mais ansiosa! Hahah! Muitos apostam na vitória como Melhor Filme do Oscar.
Invictus mostra Nelson Mandela, depois da queda do apartheid na África do Sul e durante seu primeiro mandato como presidente, quando se esforçou para que o país sediasse Copa do Mundo de Rugby de 1995, uma grande oportunidade para unir seus compatriotas. Um enredo que promete mostrar um dos motivos do rugby ser tão amado por quem pratica: o poder de agregar pessoas tão diferentes por uma coisa maior.

Que venham mais filmes, documentários, livros, músicas, vídeos online e tudo mais sobre rugby. E não tenho dúvidas que virão. O rugby contagia!

Beijão!


[p.s.: Passei no vestibular para jornalismo! Agora o nosso blog vai ter uma maior qualidade jornalística, pelo menos é o que espero passar para vocês! Teresa :)]


Continue lendo...

9 de jan de 2010

"Eu não quero ficar conhecido como o jogador gay de Rugby. Eu sou um jogador de Rugby. Apenas aconteceu de eu ser gay"

Foram essas as palavras do jogador inglês Gareth Thomas em entrevista ao jornal britânico "Daily Mail". Com 1,92m e mais de 100 quilos, ele escondeu por 35 anos a sua homossexualidade e revelou que por isso tounou-se uma pessoa solitária e depressiva. IDOLATRADO no País de Gales por ser um dos jogadores de rugby mais bem sucedidos da história atuando por mais de 100 partidas com a camisa galesa de rugby. Atualmente Thomas está aposentado da seleção nacional e vem se dedicando ao seu clube, o Cardiff Blues.


Na entrevista, ele disse esperar que os colegas de equipe que ainda não sabiam sobre sua homossexualidade recebam a novidade numa boa. "Só porque você é gay, não significa que você deseja todos os homens do planeta. Não quero ser conhecido como um jogador gay. Em primeiro lugar sou um jogador e, sobretudo, um homem. Isso é irrelevante, não tem a nada a ver com o que já conquistei."


O corajoso jogador disse sonhar com o dia em que a homossexulidade de atletas deixará de ser tabu no mundo dos esportes. Apoiado!


Assumir a homossexualidade no mundo dos esportes não é tarefa fácil. Ainda mais quando se trata de um dos maiores jogadores de Rugby dos últimos tempos. Foi o que fez Gareth Thomas, 35 anos, do País de Gales, considerado a lenda do Rugby.

A revelação sobre sua sexualidade foi feita em entrevista para o jornal inglês "Daily Mail" e reforçou o bolso do atleta. Thomas contou que a homossexualidade tem estremecido suas emoções. "Tenho sentido todo tipo de emoções com isto, lágrimas, raiva e absoluto desespero" revelou o atleta.

Sobre a decisão de só revelar sua orientação agora, o jogador disse que tinha medo que a sua sexualidade interferisse na carreira. "O Rugby era minha vida e eu não estava preparado para correr o risco de perder tudo" explicou.


Continue lendo...

7 de jan de 2010

O Brasil é HEXA! De rugby! E de calcinha!


Salve, salve amigas e amigos rugbistas do meu Brasil! Espero que as festividades de final e início de ano tenham sido ótimas pois as minhas foram quase perfeitas ( tirando só que os treinos ainda não voltaram. Rá!).
E o ano começou a zilhões por hora para as nossas Seleções Feminina e Masculina de Rugby Seven's que estavam disputando o Sulamericano de Rugby Seven's em Mar Del Plata - Argentina. Bom eu tenho acompanhado as notícias pelo blog Rugby Spirit e pelo maravilhosão Blog do Rugby(excelentes blogs, galera, eu indico. ^-^), que nos deu a máfia do link para assistir online as partidas.


Por falar nas meninas, elas são HEXA (como essa palavra tem sido almejada no futebol, hein??) e com todo louvor: seguiram IN-VIC-TAS na competição! Inclusive, na final, elas dominaram visivelmente o gramado, estando sempre no território das adversárias colombianas. Muito show!


Para a festa ser maior, a melhor jogadora do campeonato é de origem tupiniquim.Ou seria oriental??? hahaha! Paulinha Ishibashi levou esse trofeu para casa, pela quinta vez.


Já o masculino, não conseguiu tal êxito e ficaram em 4º lugar. Tão achando ruim? Pois para eles, boas colocações ainda não são tão próximas à realidade a nível continental e, obviamente, mundial.
Infelizmente, alguns blogs, pouco se manifestaram sobre a vitória feminina, dando ênfase à campanha dos meninos que, tudo beeeeem, é uma notícia meio inovadora... mas as meninas foram HEXA!!!!!!!!!!! Podemos estar erradas, mas como o blog é feminino, podemos expressar nossa opinião sobre isso: acho que ainda, mesmo sendo melhores que eles, sofremos preconceitos. Mas é para isso que estamos aqui!!! Divulgar o lado mais bonito do rugby, que usa como armaduras o sutiã de bojo e absorventes!!!!! Que mesmo com cólicas, fazemos as adversárias sentirem cólicas fora do período com um simples tackle!!!!! hahahahahaha!

Vejam a tabela de resultados dos jogos finais (categoria feminino) do Brasil e outros países sulamericanos:

Paraguai 15 X 05 Peru – disputa 7º/8º

Chile 10 X 05 Venezuela – Final Bronze

Argentina 12 X 14 Uruguai – Final Prata

Brasil 17 X 00 Colombia – final Ouro

Tries: Maíra (Desterro) – 1; Emily Barker (SPAC) – 2

Conversão: Paula Ishibashi (SPAC) – 1


Classificação Final


1 – Brasil

2 – Colombia

3 – Uruguai

4 – Argentina

5 – Chile

6 – Venezuela

7 – Paraguai

8 – Peru



Parabéns, meninas! Que venha o HEPTA!

Beijos e vamos jogar rugby pra perder as gordurinhas do peru de Natal. Hehehe!!

FOTOS: site da ABR e prints feitos pela Anna Joana
Continue lendo...
 

Rugby de Calcinha Copyright © 2009 Rugby de Calcinha