25 de mar de 2012

Brasileiras faturam Taça de Bronze no Circuito Mundial de Rugby Sevens

Equipe ficou em terceiro lugar na fase de grupos, mas saiu vitoriosa sobre Japão e Hong Kong


São Paulo (SP) - A seleção feminina de rugby encerrou sua participação na sexta etapa do Circuito Mundial em Hong Kong com a conquista da Taça de Bronze (Bowl), equivalente ao nono lugar. A competição reuniu as principais equipes do mundo e o Brasil foi único representante da América Latina. As grandes campeãs do torneio foram as inglesas, que venceram a forte equipe do Canadá por 22 a 12 na semifinais e depois derrotaram a Austrália por 15 a 10.

No grupo A, as tupis enfrentaram Canadá e Rússia na primeira fase. As canandenses, semifinalistas do torneio e umas das seleções mais fortes da atualidade, superaram as brasileiras por 45 a 0. Na segunda partida, derrota por 29 a 0 para as russas, que mostraram grande evolução técnica no seu jogo.

O Canadá fechou a fase de grupos na liderança depois de vencer a Rússia, segunda colocada, por 24 a 5. O terceiro lugar do Brasil fez com que a equipe disputasse uma vaga na final da Taça Bronze contra o Japão. A partida foi equilibrada, mas as brasileiras tiveram dois tries convertidos, superando as japonesas por 14 a 12. Na disputa pelo nono lugar, as tupis venceram a seleção da casa, Hong Kong, por 19 a 7.

"O Brasil foi evoluindo ao longo do torneio, pegamos um jogo muito difícil logo na estreia, contra o Canadá, o que nos desgastou muito e em seguida a Rússia, que estava descansada e também tem uma equipe forte. Devido aos jogos serem muito próximos uns aos outros não tivemos muito tempo de descanso e isso refletiu no resultado. Mas contra o Japão e Hong Kong, já conseguimos implantar nosso esquema de jogo e vencemos", explica Júlia Sardá, capitã da seleção brasileira.

Os resultados desta etapa podem ser considerados positivos, já que o Brasil esteve mais uma vez entre as 12 principais equipes do mundo e a seleção feminina ainda irá participar da nona e última etapa do Circuito Women's Challenge Cup, nos dias 11 e 12 de maio, na Inglaterra.

"O intercâmbio internacional é fundamental para que nossas atletas acostumem-se com competições de alto nível. Essas competições permitem avaliar o desempenho das atletas brasileiras, identificar deficiências técnicas e/ou físicas e melhorar a eficiência da equipe. As principais equipes do circuito internacional profissionalizaram suas atletas e recebem substanciais incentivos de suas autoridades governamentais. No Brasil, ainda estamos longe dessa realidade profissional. Além de sermos o único representante da América Latina no circuito mundial, somos a única seleção amadora no top-10 de Rugby Sevens. Estamos no caminho certo e continuaremos buscando recursos para melhorar a preparação de nossa seleção feminina", comenta Sami Arap Sobrinho, presidente da Confederação Brasileira de Rugby (CBRu).

A seleção feminina retorna para o país nesta terça-feira (27).

As representantes do Brasil na competição mundial foram:
1- Angélica "Binha" Gevaerd (SPAC) - pilar/hooker
2- Ayna Christovam (SPAC) - ponta/pilar
3- Beatriz "Bia" Pereira da Silva (Desterro RC) - abertura/ponta
4- Edna Santini (São José RC) - médio scrum
5- Julia Albino Sardá (Desterro RC) - pilar/ponta
6- Juliana "Xoxinha" Esteves Santos (Bandeirantes RC) - pilar
7- Maíra "Bernadete" Bravo Behrendt (SPAC) - centro/hooker
8- Maíra Magdaleno da Ros "Da Roça" (Desterro RC) - centro/ponta
9- Mariana Barbosa Ramalho "Mari" (SPAC) - centro/ponta
10- Paula "Paulinha" Ishibashi (SPAC) - médio scrum/abertura
11- Thais "Xuxu" Cruz Rocha (SPAC) - ponta
12- Vanessa Gardellim (São José RC) - abertura/hooker

Comissão Técnica: João Nogueira (Treinador), Claudia Tavares (Fisioterapeuta), Mariana Correa (Psicóloga), Fábio Galdieri (Manager).
 
Fonte: ZDL

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

23 de mar de 2012

Hoje tem seletiva


Hoje é o 1º dia da seletiva da Seleção Brasileira Feminina que acontecerá no CT da seleção em São José dos Campos. As atividades da seletiva têm início no sábado (24) às 9h e término no domingo (25) às 17h.

Boa sorte para as meninas que estarão nesse final de semana lutando pela camisa da seleção!

Endereço do  Centro de Treinamentos da Confederação Brasileira de Rugby:

Condomínio Industrial São José dos Campos
Rua Ambrósio Molina, 1090 (ADC) – Eugênio de Melo
12247-000 São José dos Campos/SP
Altura do km 138 (saídas 138 ou 139) da Rodovia Presidente Dutra (BR-116).
Referência: placa da 'ERICSSON'



Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

17 de mar de 2012

Tocantins terá o primeiro jogo de Rugby nesse sábado

O Tocantins terá o primeiro jogo de Rugby no estado. O desafio será entre a equipe de Palmas  (Insanos P.R.C.), e a equipe de Gurupi (Mutuca R.C.), no sábado, 17 de março, no C.T. do Palmas Futebol e Regatas. Até então, ocorreram somente oficinas e treinos conjuntos entre as duas equipes, mas agora, estas se enfrentarão pela primeira vez. 

A programação prevista, será um jogo feminino de Rugby Seven, às 16:00hs, e em seguida um jogo masculino de XV. Ambos contarão como a primeira, de quatro etapas, da disputa pelo título de campeão estadua, a Taça David Morrell de Rugby.

Conheça um pouco das equipes:
 
* O Palmas Rugby Clube foi fundado no dia 27 de fevereiro de 2010. O clube teve início com Daniel Canoli e Fábio Gatto e agora com dois anos de existência, já foi campeão da Taça Mad Maria, na Copa Amazônia Legal de Rugby, e vice-campeão do 1º Torneio Goiano de Rugby 7s. O clube conta com três veteranos com passagens na Seleção Brasileira de Rugby: Marcelo Galates (técnico), Álvaro Ferreira (treinador) e Eduardo César (auxiliar técnico e jogador).  
 
* O Mutuca Rugby de Gurupi teve início em 22 de agosto de 2011, com a mudança de Daniel Canoli para Gurupi que começou a ensinar Rugby para alguns jovens no Parque Mutuca. O nome da equipe foi influenciado pelo nome do parque onde os treinos começaram. Atualmente a equipe já conta com cerca de 30 jovens, na sua maioria, universitários. 
 
Fonte: Jornal Stylo
 
 

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

Santa Bárbara d’Oeste tenta formar time feminino de Rugby

Santa Bárbara d’Oeste pode contar em breve com um time feminino de Rugby. O Rugby Lobos, equipe que conta com o apoio da Seme (Secretaria Municipal de Esportes), abriu nesta semana, espaço para meninas interessadas em participar da modalidade. 
 
A montagem de novas equipes integra o planejamento do Rugby Lobos Seme para a temporada 2012. Além do time principal, formado por jogadores experientes na modalidade, a categoria infanto juvenil foi inserida no projeto neste ano. O próximo passo, segundo o técnico do time, Roberto Mendieta, é aumentar o número de praticantes da modalidade em Santa Bárbara. “Convidamos todas as garotas interessadas em fazer parte do nosso time, tanto infanto-juvenil quanto adulto”, afirmou. 

Para o secretário de Esportes de Santa Bárbara d’Oeste, Celso Luiz Tonin, o apoio ao Rugby Lobos demonstra todo o esforço da pasta em aumentar o número de modalidades no município. “Com o Rubgy, implantamos mais uma modalidade na Seme. Sempre buscamos abrir as portas para o aumento de grupos e de times”, disse.

Local e horário dos treinos:  
Campo do CSU (Centro Social Urbano) - terças e quintas, a partir das 19 horas, e aos sábados às 16 horas.

Fonte: Site Piracicaba em Festa


Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

16 de mar de 2012

Promoção do mês das mulheres: Rugby de Calcinha e Mapa do Rugby Feminino


Promoção no ar, pessoal! No mês das mulheres o Rugby de Calcinha e o Mapa do Rugby Feminino garantem o presente. Serão duas camisas: uma sorteada no twitter e outra no facebook.

Facebook

1. Curta a página do Rugby de Calcinha (https://www.facebook.com/Rugbydecalcinha?sk=app_154246121296652) e compartilhe PUBLICAMENTE esta imagem  http://tinyurl.com/6vwaerq;

2. Clique na aba PROMOÇÕES (no menu à esquerda) e depois clique em "Quero Participar"

Twitter
Para participar do sorteio no Twitter, o interessado deverá seguir o perfil do Rugby de Calcinha (http://twitter.com/rugbydecalcinha) e RT a seguinte frase: No mês da mulher o Rugby de Calcinha e o Mapa do Rugby Feminino presenteiam você http://kingo.to/1157

Boa sorte!!!

Regulamento


1. Vigência da promoção:

1.1 Esta promoção terá início no dia 08 de março de 2012 e as inscrições serão encerradas às 23h59 do dia 30 de março de 2012.

1.2 No dia 31 de março de 2012 ocorrerá 1 sorteio entre os fãs da Fan Page do Rugby de Calcinha no Facebook e 1 sorteio entre os seguidores no Twitter.

2. Como participar do sorteio:

2.1 Poderão participar deste sorteio qualquer pessoa física e jurídica , portadora de CPF ou CNPJ regularizados e seguidores (follower) do perfil @rugbydecalcinha ou fã da página do Rugby de Calcinha no Facebook. Cada rede terá seu respectivo sorteio.

2.2 Para participar do sorteio no Twitter, o interessado deverá seguir o perfil do Rugby de Calcinha (http://twitter.com/rugbydecalcinha) e RT a seguinte frase: No mês da mulher o Rugby de Calcinha e o Mapa do Rugby Feminino presenteiam você http://kingo.to/1157 ;

Para o Facebook, o usuário deverá ser fã da página do Rugby de Calcinha e entrar na aba Promoções e clicar em PARTICIPAR (https://www.facebook.com/Rugbydecalcinha?sk=app_154246121296652) e compartilhar uma imagem que será indicada na página.

2.3 A ferramenta utilizada para os sorteios em ambas as redes será o Sorteie.me (http://sorteie.me).


3. Premiação:

3.1 A premiação para cada rede será:

- 1 camisa de passeio da Soul Rugby

3.2 O prêmio é individual e intransferível e em hipótese alguma poderá ser trocado por outro produto/prêmio ou convertido em dinheiro.

3.3 No Twitter, os ganhadores serão comunicados do resultado do concurso por meio de Direct Message e terá seu nome anunciado no perfil @rugbydecalcinha.

No Facebook será postado no mural da Fan page do Rugby de Calcinha e será enviada uma mensagem por inbox.

3.4 Caso o ganhador não se manifeste em 7 dias, faremos outro sorteio no dia seguinte ao prazo dado para a manisfestação.


4. Disposições Gerais:

4.1 Os participantes serão automaticamente excluídos desta promoção no caso de fraude ou má fé comprovada.

4.2 Os participantes autorizam o Rugby de Calcinha, pelo prazo de 1 (um) ano contado a partir do término do período de vigência, a fazer uso de seus nomes, vozes e imagens, sem qualquer ônus para o Rugby de Calcinha, para divulgação desta promoção e de seus resultados, em qualquer tipo de mídia.

4.3 É vedada a participação de colaboradores do Rugby de Calcinha e seus parentes de até 2º grau.

4.4 Toda e qualquer situação não prevista neste Regulamento será resolvida pela equipe do Rugby de Calcinha;

4.5 O Rugby de Calcinha não se responsabiliza por nenhuma falha técnica de transmissão, problemas de acesso à Internet, serviços prestados pelo Twitter/Facebook ou qualquer caso fortuito ou de força maior que possam impedir a participação do usuário.

4.6 A mera participação nesta promoção caracteriza a aceitação dos termos e condições previstos neste Regulamento.

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

JUCA insere rugby feminino na edição deste ano

Por Teresa Raquel Bastos


O Jogos Escolares de Comunicação e Artes, organizado por oito faculdades de São Paulo, adotará este ano a modalidade feminina de rugby na competição. As instituições de ensino não perderão pontos caso não consigam formar equipes para disputar o JUCA.

Times masculinos figuram como oficiais no evento desde o ano passado, mas teve a mesma trajetória prevista para o feminino: começaram em 2007 como exibição e após dois anos, firmaram-se e hoje valem ponto. Caso a faculdade não apresente uma equipe, perde dois pontos no ranking.




O crescimento do esporte no âmbito universitário é uma tendência já há alguns anos. Algumas faculdades, como o Mackenzie, estimulam os alunos a participarem dando descontos nas mensalidades. Os estabelecimentos de ensinos são PUC-SP, Cásper Líbero, ECA-USP, Belas Artes, PUC-Campinas, Anhembi Morumbi (estreante) e Metodista.

As atléticas das universidades estão em busca de atletas para iniciarem sua participação com o pé direito já a partir desse ano, visando melhorar a cada competição. Só assim, quando for efetivada, poderá tornar o rugby ainda maior dentro da vida acadêmica.

Entrem, vistam a camisa da sua turma e bom JUCA a todas!

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

Seletiva nacional para a equipe Feminina - Informações Gerais

A Seletiva para a equipe nacional feminina será realizada nos dias 24 e 25 de Março no CT em São José dos Campos

Estão convidadas a participar todas as atletas do País que queiram.

Na seção "Downloads" deste site está o "Protocolo de Testes Físicos" que apresenta os testes físicos aos quais as atletas serão submetidas durante a seletiva e valores mínimos que deverão atingir para poderem participar da parte técnica do evento.

Este protocolo está sendo fornecido para que todos os clubes e atletas conheçam e se preparem para as exigências da seletiva.

Para participarem da Seletiva, as atletas devem apresentar:
- Atestado médico
- Carta de recomendação para a Seletiva, emitida pelo clube em que atua, atestando que a atleta atingiu o índice estabelecido pelo protocolo, que pode ser visualizado através do link a seguir: http://bit.ly/zNwIg5

As atividades da seletiva têm início no sábado (24) às 9h e término no domingo (25) às 17h.

Aos que forem participar da seletiva e que queiram servir-se das refeições do Centro de Treinamento, elas têm um custo de R$30,00/dia (trinta reais). As pessoas devem avisar à Organização da seletiva até o dia 21/03 (quarta-feira) o interesse pela alimentação, informando o nome e clube. As refeições são:
Sábado: almoço e jantar
Domingo: almoço e lanche

No refeitório do Centro de Treinamento é proibido o uso de chinelos, bermudas, shorts, saias e camisetas regatas. Àqueles que forem fazer uso do refeitório, favor levar a vestimenta adequada.

O prazo para inscrições na seletiva é o dia 21 de Março (quarta-feira). O envio de inscrições e mais informações sobre a seletiva  através de José Eduardo Moraes, Treinador da Seleção Nacional Feminina, pelo seguinte e-mail: jose.moraes@brasilrugby.com.br

Endereço do  Centro de Treinamentos da Confederação Brasileira de Rugby:
Condomínio Industrial São José dos Campos
Rua Ambrósio Molina, 1090 (ADC) – Eugênio de Melo
12247-000 São José dos Campos/SP
Altura do km 138 (saídas 138 ou 139) da Rodovia Presidente Dutra (BR-116).
Referência: placa da 'ERICSSON'
 
Fonte: CBRu

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

15 de mar de 2012

Brasil cai em mesmo grupo que Canadá e Rússia no Mundial

Por Teresa Raquel Bastos

Após a oitava vitória consecutiva da Seleção Feminina de Rugby no Sulamericano de Seven's ocorrido no último fim de semana no Rio de Janeiro, é hora de voltar à realidade. Buscando novos desafios e, principalmente, a conquista de experiência em jogos contra grandes seleções, as meninas partem para a sexta etapa do Circuito Mundial em Hong Kong, nos dias 23 e 24 de maio.

O IRB, órgão regulador do rugby mundial e organizador do evento, anunciou terça passada a chave do Brasil nos jogos. No Grupo A, as tupis estão ao lado de Canadá e Rússia. Elas já enfrentaram as canadenses em outras etapas, o que consideram positivo enfrentá-las novamente: o conhecimento de como as gringas se portam dentro de campo e a chance de medir o avanço após o último duelo.

A Rússia também já trombou com a seleção da capitã Júlia Sardá. Em um jogo difícil, com o placar nada elástico de 10x7 a favor das apreciadoras de vodka, podem também analisar jogadas e porte físico delas.

Na etapa do torneio, que contará com 12 seleções, serão quatro grupos, com três equipes cada. João Nogueira, técnico da seleção feminina, deve manter a mesma equipe campeã do sulamericano. Confira abaixo as chaves:

Grupo A: Canadá, Brasil e Rússia
Grupo B: Inglaterra, China e Japão
Grupo C: Austrália, Holanda e Hong Kong
Grupo D: Estados Unidos, Espanha e Tunísia

Mais um desafio engrandecedor para as meninas, havendo ou não vitória. Só se pode vencer um inimigo ao enfrentá-lo. E o maior inimigo hoje é o atraso de técnica do Brasil em relação às seleções mais tradicionais do esporte. Mas essa diferença está diminuindo, bem rapidamente. Vamos conferir o progresso em mais esta etapa do mundial.

Avante, Rugby Feminino do Brasil!

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

13 de mar de 2012

Rugby feminino: e os próximos 5 anos?


Passada uma semana do famigerado Dia Internacional da Mulher, ficaram além das rosas a premissa de fazer do dia-a-dia uma oportunidade para batalhar pela igualdade de gênero e, especificamente no nosso caso, por mais espaço e reconhecimento da nossa prática esportiva.

Cada uma de nós saberia nomear na ponta da língua algum momento em que o rugby feminino foi menosprezado ou tratado como uma subcategoria do esporte, em situações que vão desde absurdos como o discurso machista de que “rugby não é coisa de mulher” até pequenos incômodos como o fato de os jogos das equipes femininas serem disputados normalmente nos piores horários em torneios mistos. Ok, é necessário reconhecer que, dentro e fora do Brasil, o rugby feminino vive um momento muito diferente do masculino em praticamente todos os aspectos: visibilidade, número de praticantes, reconhecimento de mérito, amplitude de calendário, recursos etc. Levar isso em conta é fundamental para estruturar um planejamento coerente de desenvolvimento para o rugby feminino nos próximos anos, mas isso em momento algum pode ser encarado como um status de inferioridade do rugby feminino em relação ao masculino.

Divulgamos algum tempo atrás o Women’s Rugby Strategy Plan 2011-2016 elaborado pelo International Rugby Board, que traz um diagnóstico bem embasado da situação atual do rugby feminino nos países que compõem a união e algumas diretrizes básicas de desenvolvimento e metas a serem atingidas nos próximos cinco anos. O conteúdo, apesar de claro, não é de tão fácil compreensão: além de estar disponível somente em inglês e em linguagem formal, a principal dúvida que fica é o que exatamente nós, mulheres no rugby, podemos fazer para ajudar a atingir essas metas propostas? Onde estamos inseridas nesse contexto? Quem somos nós diante de um cenário maior de diagnóstico e de plano de desenvolvimento?

Pensando nisso, a partir de semana que vem disponibilizaremos em partes aqui no blog o plano estratégico traduzido para o português acompanhado sempre de uma reflexão crítica a respeito do tema. Os capítulos do plano fazem um diagnóstico de diversos aspectos do momento vivido pelo rugby feminino hoje (categorias de base, caminhos do alto rendimento, desenvolvimento de XV no momento de ascensão do Sevens como modalidade olímpica etc), e apontam algumas diretrizes gerais que deverão nortear a condução do desenvolvimento do esporte.

Obviamente o blog não tem a menor pretensão de apontar soluções para os desafios que se colocam à nossa frente, apenas tornar mais acessível o conteúdo do plano para que não percamos de vista o fato de que o desenvolvimento do rugby para e por nós depende de um esforço conjunto, diário e ininterrupto. Todas sabemos dos esforços que podemos empreender para melhorar nosso jogo na individualidade: acertar aquele passe, melhorar o condicionamento, aprimorar a corrida etc. Talvez seja esse um momento oportuno para refletirmos mais também sobre o que podemos fazer para melhorar o rugby feminino na coletividade.



Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha
Continue lendo...

11 de mar de 2012

Octacampeãs

A Seleção Brasileira Feminina segue suprema na América do Sul. Se sete títulos já era muito, a partir de hoje pode colocar a oitava estrela no peito.

O reinado foi mantido com vitória sobre a Colômbia, na decisão do 8º Sul-Americano, por 34 a 5. Até o talento de Cindy Pelaez, jogadora sensação do torneio, maior pontuadora (sete tries e 35 pontos), ficou ofuscado pela atuação brasileira.

Foram seis tries, anotados por Julia Sardá (2), Maria Gabriela, Xuxu, Maíra Behrendt e Maíra da Ros; dois deles convertidos por Xuxu e Maíra Behrendt.

Com as cinco vitórias obtidas no Sul-Americano do Rio, as campeãs da América alcançaram a incrível marca de 40 jogos e 40 vitórias no torneio.

Antes de erguer a taça, a capitã brasileira, Julia Sardá, resumiu o segredo:
- Nós merecemos isso. Ninguém na América do Sul treina mais que a gente - disse a capitã.

SUL-AMERICANO FEMININO DE SEVENS 2012

Final
Brasil 34x5 Colômbia
Decisão do 3ºlugar
Argentina 7x12 Uruguai
Decisão do 5º lugar
Chile 5x12 Venezuela
Decisão do 7º lugar
Paraguai 22x7 Peru

Fonte: Terceiro Tempo


Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

10 de mar de 2012

Para sempre campeãs

Por Teresa Raquel Bastos


Hoje começou o Rio Seven's, já preparando terreno para o crescimento do esporte até as Olimpíadas de 2016. Mais uma vez, a seleção feminina de rugby vence com um saldo de tries incrível, sem dar ao menos chance para as adversárias.

Antes de começar, muitos veículos especializados em rugby noticiaram o crescimento das argentinas na modalidade. Pelos jogos apresentados, há um aumento na qualidade geral do esporte no lado feminino, mas isso era meio que óbvio em decorrência da competição mundial que está prestes a ocorrer. Todas querem estar aptas a disputar e ganhar nos jogos olímpicos. Mas na América do Sul, só dá Brasil.

As Tupis, novo apelido oficial das brasileiras, só sofreram um try no primeiro dia da competição. Um saldo nunca antes alcançado tão positivamente. Isso mostra o treinamento efetivo, mostrando resultados nas jogadas. Porém, não podemos esquecer que é um sulamericano apenas. Fora do território já conquistado pelas tupiniquins, a sequência de erros apresentada em jogos contra adversárias mais fracas como as peruanas não é facilmente consertada com roubadas de bola e muita corrida rumo ao in goal. O jogo é mais duro, mais fatal.

De qualquer forma, é hora de colher mais resultados positivos, sem esquecer que por mais que caminhem (aliás, corram) para o octacampeonato, é preciso esforço para continuar crescendo para serem eternamente campeãs. Que venha mais um sula!
 
Capitães das Seleções participantes. Foto: Portal do Rugby
Primeiro dia de competição:
Uruguai 36x0 Peru
Brasil 25x0 Venezuela
Chile 7x20 Colômbia
Argentina 34x7 Paraguai
Uruguai 24x0 Venezuela
Brasil 45x0 Peru
Argentina 17x19 Colômbia
Chile 25x0 Paraguai
Peru 0x15 Venezuela
Brasil 12x5 Uruguai
Colômbia 22x0 Paraguai
Argentina 41x21 Chile
Semifinais – amanhã
Brasil x Argentina - 11h40
Colômbia x Uruguai - 12h


Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

8 de mar de 2012

Parabéns às mulheres do rugby!


Mulher

Elas sorriem quando querem gritar.
Elas cantam quando querem chorar.
Elas choram quando estão felizes.
E riem quando estão nervosas.
Elas brigam por aquilo que acreditam.
Elas levantam-se para injustiça.
Elas não levam "não" como resposta quando
acreditam que existe melhor solução.
Elas andam sem novos sapatos para
suas crianças poder tê-los.
Elas vão ao medico com uma amiga assustada.
Elas amam incondicionalmente.
Elas choram quando suas crianças adoecem
e se alegram quando suas crianças ganham prêmios.
Elas ficam contentes quando ouvem sobre
um aniversario ou um novo casamento.

Pablo Neruda



Mulher é sinônimo de vencedora, em sua maioria. É superar as barreiras em cima de um salto alto, fazer tudo o que o homem faz com graça e sabedoria, e muitas vezes sem esforço físico (isso podemos deixar pra eles às vezes, pois sempre conseguimos um macho pra fazer o que a gente quer só dando uma piscadela)! É ter bilhões de neurônios a menos, mas todos eficientes, é nunca pagar a conta toda, no máximo dividir, é poder chorar e não ficar com fama de viado, é ser carinhosa até com pessoas do mesmo sexo! É jogar rugby de calcinha e de sutiã, sendo que este último em alguns tackles ou scrums da vida cisma em arrebentar a alça. É aceitar os limites físicos do gênero e não se sentirem menores, nem inferiores. Pelo contrário, é saber que com pouco, podemos fazer do mundo um lugar belo e do esporte, um lugar para a gente. É ser heptacampeãs no sulamericano, é lutar dentro de campo, suando, às vezes maquiadas, às vezes com o cabelo só amarrado. Enfim, milhões de coisas de nós, mujeeeeres, nos orgulhamos de ter atribuídas ao gênero mulher.



Parabéns para todas as Teresas, Renatas, Anas, Vanessas, Marjories...

Um beijo do blog de rugby mais feminino do Brasil! E de calcinha fofa!
Continue lendo...

6 de mar de 2012

SELEÇÕES FEMININA E MASCULINA JÁ ESTÃO DEFINIDAS PARA O RIO SEVENS


Campeonato Sul-Americano será realizado nos dias 10 e 11 de março e terá transmissão ao vivo do canal SPORTV nos dois dias de competição


06/03/2012 | Confederação Brasileira de Rugby


As seleções masculina e feminina de rugby já foram definidas para disputa do Rio Sevens - Campeonato Sul-Americano de Rugby Sevens, que será realizado neste fim de semana (10 e 11), no Estádio da Gávea, na zona sul da capital fluminense. Noves países, além do Brasil, participam da disputa. A entrada é franca
Entre os destaques da equipe masculina estão Diego Lopez (Pasteur), Lucas Duque (São José) e Julian Menutti (Bandeirantes). Após ter demonstrado sua força em 2011, vencendo seus opositores diretos, especialmente a Argentina, a Seleção Masculina deu início a um trabalho de identificação de talentos visando 2016. Assim, a comissão técnica introduziu atletas oriundos das categorias de base, tais como os jovens Eduardo Garcia da Silva (Bandeirantes) e Gustavo "Rambo" Albuquerque (Curitiba).

"Nosso foco é a renovação constante de atletas de alto rendimento, através de um programa de identificação de talentos, expondo-os a competições de alto nível no Brasil e no exterior. Obviamente, resultados são importantes, mas, até 2016, nossa preocupação é a construção de uma equipe altamente competitiva", comentou Sami Arap Sobrinho, Presidente da CBRu.

O time feminino será liderado pela capitã Julia Sardá (Desterro), que esteve presente em cinco das sete conquistas da seleção no evento, e Paulinha Ishibashi, eleita por duas vezes melhor atleta da modalidade no Brasil. Entre as novatas, a Seleção Feminina também começa a apresentar suas novidades oriundas das categorias de base: Maíra Behrendt (SPAC) e Edninha Santini (São José).

A seleção feminina, que passou recentemente por duas etapas do Circuito Mundial (Dubai e Las Vegas), no qual enfrentou as melhores equipes do mundo, promete entrar com força total para levantar a taça pela oitava vez consecutiva.

"Elas estão bem fisicamente e mostram uma grande evolução com as experiências internacionais. O Rio Sevens praticamente fecha um ciclo de desenvolvimento, iniciado em 2011, e o auge do rendimento será visível neste evento, que será o principal compromisso da temporada", comenta o treinador da seleção feminina, José Eduardo Moraes.

O Brasil estreia contra a Venezuela tanto no masculino como no feminino. A competição contará com a participação de 10 países. As brasileiras jogam a primeira fase no grupo A, contra Uruguai, Peru e Venezuela. No grupo B estão Argentina, Chile, Colômbia e Paraguai. Já a seleção masculina está no grupo B e vai encarar Uruguai, Paraguai, Venezuela e Equador. O grupo A é formado por Argentina, Chile, Colômbia, Peru e Guatemala.

Jogos com transmissão ao vivo - O canal a cabo Sportv 2 transmitirá dez jogos do Rio Sevens ao vivo, nos dois dias de competição. A primeira partida televisionada será Argentina x Guatemala, no masculino, ao meio-dia do sábado. Na sequência, a emissora mostrará a estreia do Brasil, contra a Venezuela. Às 12h40 começa a transmissão do feminino, com Uruguai x Venezuela. Às 13h00, as brasileiras entram em campo contra a seleção do Peru. Logo depois, Argentina e Colômbia e Chile e Paraguai encerram a transmissão. No domingo, a partir das 15 horas, o Sportv 2 mostrará as duas disputas de terceiro lugar e as duas finais.

Seleção feminina
1 - Ayna Christovam (SPAC) - ponta/pilar
2 - Bruna Lotufo (Bandeirantes RC) - hooker
3 - Edna "Edninha" Santini (São José RC) - médio scrum
4 - Julia Sardá (Desterro RC) - pilar
5 - Juliana "Xoxinha" Santos (Bandeirantes RC) - pilar
6 - Maira Magdaleno "da Ros" (Desterro RC) - centro/ponta
7 - Maria Gabriela "Gabi" Ávila (SPAC) - abertura
8 - Maira "Bernadete" Behrendt (SPAC) - centro/hooker
9 - Paula "Paulinha" Ishibashi (SPAC) - médio scrum/abertura
10 - Thais "Xuxu" Rocha (SPAC) - ponta

Comissão Técnica: José Eduardo Moraes (treinador), Claudia Tavares (Fisioterapeuta), Mariana Correa (Psicóloga), João Nogueira (Manager).

Seleção masculina
1 - Daniel "Grega" Gregg (Niterói RFC) (C) - abertura
2 - Diego "Diegão" Lopez (Pasteur AC) - Pilar
3 - Eduardo "Du" Garcia (Bandeirantes RC) - ponta
4 - Erick "Putim" Cogliandro (São José RC)- ponta
5 - Gustavo "Rambo" Albuquerque (Curitiba RC) - hooker
6 - João Luiz "Ige" da Ros (Desterro RC) - pilar
7 - Julián "Juli" Menutti (Bandeirantes RC) - meio-scrum
8 - Lucas "Tanque" Duque (São José RC) - meio-scrum
9 - Paulo Ricardo "Gordo" Santos (Ilhabela RC) - pilar
10 - Elpídio "Elps" Sgobbi (São José RC) - centro

Comissão técnica: Martín Schusterman (Treinador), Maurício Coelho (Treinador), Leonardo Hirao (Médico) e Jean-Marc Bolonha Volland (Fisioterapeuta).

Credenciamento de Imprensa - Os interessados em cobrir o Rio Sevens 2012 - Campeonato Sul-Americano de Rugby Sevens deverão enviar um e-mail para Andressa, com nome completo, função e veículo de comunicação a qual pertence.

O Campeonato Sul-Americano é uma realização da Confederação Brasileira de Rugby (CBRu) em conjunto com a Confederação Sul-Americana (Consur). O patrocínio é de Topper, Bradesco, Heineken e JAC Motors, com apoio de BHG Hotels.
Foto: Fábio Schroeder/CBRu

FONTE: Site CBRu



Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

Troféu Brasil Rugby (Vídeos)

Vídeos produzidos pelo Canal 91 no Troféu Brasil Rugby, que aconteceu no dia 05/02.

 João Nogueira
 

Paula Ishibashi (Melhor jogadora)

Edna Santina (Atleta Revelação)

Vivian Gama (Fair Play Feminino)

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

Tupi é o novo símbolo da seleção brasileira de rugby

O novo apelido, que ganhou a eleição com 47% dos votos, será apresentado oficalmente no Rio Sevens, que começa no sábado no estádio da Gávea

São Paulo (SP) - Após eleição popular, o rugby brasileiro ganhou um novo símbolo: o tupi. A disputa teve quase 10 mil votos e a mascote, desenvolvida pela agência Shark&Lion, venceu com 47,16% de preferência (4.387 votos).

"A escolha popular ratificou as raízes do povo brasileiro. O Tupi representa a essência de nosso país, remetendo a garra, perseverança, lealdade e espírito de equipe. Agora, as nossas seleções estarão prontas para enfrentar e derrotar qualquer adversário", diz Sami Arap, presidente da Confederação Brasileira de Rugby (CBRu).

"Falar do Tupi é falar de um personagem característico de nossa cultura, que é marcado pela virtude, capacidade de escolha e coragem. Tentamos traduzir esses elementos no semblante de uma figura comum, porém forte e decidida, contemplando o futuro. Retrato fiel de nosso momento no esporte", comentou Gesner Filoso, autor do design.

A eleição teve mais duas opções. A Sucuri, que terminou a votação com 34,76% (3.233 votos) de preferência, e a Arara com 18,08% (1.682 votos). Os dois designs que ficaram atrás da votação eram da agência Talent.

Para a Confederação Brasileira de Rugby (CBRU), a escolha ajudará tanto no relacionamento com a torcida e fãs do esporte, como também traz mais opções para trabalhar a identidade da marca com licenciamentos, confecções, entre outras propriedades da entidade nacional.

A escolha do símbolo teve início em outubro de 2010, com o envio de sugestões por e-mail. Foram mais de 200 ideias e a Confederação escolheu as que mais se aproximavam dos valores do rugby. As agências Talent e Shark&Lion transformaram os conceitos aprovados em imagens e na semana passada foram apresentados os três finalistas.

Durante o processo de desenvolvimento do Tupi, procurou-se marcas que criassem um símbolo único sem recorrer aos elementos cotidianos. O caminho estratégico é mesmo seguido, por exemplo, pela Rosa da União Inglesa de Rugby.

"Alcançar quase 50% dos votos nesse processo demonstrou que escolhemos um bom caminho. Como outros grandes símbolos do rugby e do esporte, estamos convictos de que este também evoluirá e poderá sofrer adaptações no futuro, acompanhando o crescimento vertiginoso do rugby brasileiro. No entanto, o mais importante para a Shark&Lion foi fazer parte desse momento histórico reforçando nosso compromisso com a CBRu e com o desenvolvimento do esporte amador no país", conclui Gesner.

O símbolo do Tupi será apresentado oficialmente no Rio Sevens - Campeonato Sul-Americano de Rugby Sevens, que será realizado neste fim de semana (10 e 11), no Estádio da Gávea, zona sul da capital fluminense, e deve ser utilizado pela primeira vez na camisa da seleção no Sul-Americano de XV, em maio. O vencedor da sugestão, Victor Ramalho, será presenteado pela CBRu com uma viagem, com todas as despesas pagas, para o Rio Sevens.
 
Fonte: ZDL

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

Comunicado da Diretoria de Arbitragem da FPRugby

Aos(Às) Presidentes das Confederações, Federações, Ligas, Clubes, Grêmios, etc...

Solicitação de Arbitragem

Visando uma melhor organização na Diretoria de Arbitragem da Federação Paulista de Rugby para o corrente ano, solicito a todas as Confederações, Federações, Ligas, Clubes, Grêmios, etc..., que quando tiverem necessidade em contatar algum árbitro(a), árbitros(as) assistentes ou 4º árbitro(a) ligados ao quadro de Arbitragem da Federação Paulista de Rugby para a arbitragem de jogos, palestras, etc..., o referido pedido deverá ser feito junto a esta Diretoria.

Recomendamos também que em todos os jogos amistosos a solicitação de arbitragem seja feita diretamente a esta Diretoria e com antecedência de no mínimo dez (10) dias.

Todas as solicitações deverão ser feitas através de e-mail enviado a Diretoria de Arbitragem da FPRugby, aos cuidados de seu Diretor, Sr. Alberto Nepomuceno pelo e-mail arbitragem@fprugby.org.br .

Esta decisão está sendo tomada com o intuito de melhor organizar o quadro de arbitragem desta Diretoria e cumprir com o compromisso de designar a arbitragem para os Campeonatos que a Federação Paulista organiza.

Sem mais para o momento, colocando-me a disposição para maiores esclarecimentos.

Atenciosamente;

Alberto Nepomuceno

Diretor de Arbitragem da FPRugby


Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

5 de mar de 2012

Amazonas em Hong Kong


São já conhecidos os adversários do Brasil, na primeira fase do Torneio de Hong Kong, que as Amazonas brasileiras vão disputar nos dias 23 e 24 do corrente mês de Março.

Esta é a primeira vez que as brasileiras são convidadas para participar no prestigiado Torneio, que se disputa desde 1997, e é de notar o elevado nível das equipas presentes.

São 12 as equipas participantes, que foram divididas em quatro grupos de três, com o Canadá, Inglaterra, Austrália e Estados Unidos escolhidas como cabeças de série, logo seguidas por Espanha, Holanda, China e Brasil, para terminar com Rússia, Japão, Hong Kong e Tunísia.

Em função deste escalonamento os Grupos ficaram assim constituídos:

Grupo A: Canadá, Brasil, Rússia
Grupo B: Inglaterra, China, Japão
Grupo C: Austrália, Holanda, Hong Kong
Grupo D: Estados Unidos, Espanha, Tunísia

Fonte: Rugby Mania


Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

4 de mar de 2012

Príncipe Harry fará intercâmbio esportivo no Rio


O Príncipe Harry chega ao Brasil nesta semana e no dia 10 de março fará intercâmbio esportivo na sede do Vasco, no Rio de Janeiro. São Januário, que será palco dos jogos de rugby nas Olimpíadas em 2016, receberá a visita ilustre do príncipe inglês para estimulhar jovens a praticar desportos, entre eles o da bola oval.

O Vasco é o primeiro time de futebol a criar escolinha de rugby no país. Agora, colhe os frutos de receber Harry para atividades recreativas. Para as crianças que treinam lá, é um forte incentivo a continuar praticando o esporte, fazendo nossa base se fortalecer para que o rugby seja grande no Brasil. Times de base ainda são difíceis de achar, mas aos poucos vão ganhando espaço e fazendo as mães perderem o medo de colocar seus filhos dentro de campo.

O filho da Lady Di chegará no dia 9 e entre suas atividades, há visitas à comunidades carentes. Além de rugby, também jogará volei nas praias cariocas e pólo em São Paulo.

Agora, parem pra pensar: príncipe Harry, solteiro, lindinho, no Rio e ainda gosta de rugby?! Me tackleia, seu lindo!!!! #asminapira

Não esqueça de curtir nossa página no Facebook! Lá, interação, fotos, notícias em primeira mão e muito Rugby de Calcinha! ;)

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

2 de mar de 2012

Indaiatuba promove amistoso de Rugby Seven Feminino

O Indaiatuba Rugby Clube recebe no dia 3 de março (sábado), equipes para competições em diferentes categorias. Todas as partidas serão realizadas no Campo do Bela Vista e têm entrada gratuita.

A partir das 15 horas, tem amistoso feminino entre Tornados e Pasteur. 
No dia 26, a equipe feminina do Tornados participou do Primeiro Festival de Rugby Feminino das Pelicanas. Enfrentando três adversários, vencendo a FFLCH por 21 a 0, perdendo para as anfitriãs do Rio Branco por 17 a 7 e com uma vitória contundente sobre a Cásper Líbero, aplicando 55 a 0, a equipe indaiatubana sagrou-se vice-campeã.

"Foi um excelente torneio, principalmente para que nossas atletas mais novas tivessem sua iniciação em jogos. Pude identificar novos talentos com diferentes potencias, o que é muito bom para o plantel da equipe", comentou Marcelo Amato, coach Feminino

Fonte: Site itu.com.br

Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

1 de mar de 2012

Rio Sevens promete!


A cidade maravilhosa, um dos mais belos cartões postais do Brasil, receberá o primeiro grande evento de rugby. Por ser sede dos Jogos Olímpicos de 2016, foi escolhida para receber nos dias 10 e 11 de março um dos mais importantes torneios da América do Sul. Os jogos acontecerão no estádio da Gávea.


É a segunda competição de alto nível realizada no país. Ano passado, houve o Sulamericano de Sevens em Bento Gonçalves - RS, que gerou repercussão por ter sido televisionado e, claro, pela incrível e inédita vitória da seleção masculina em cima dos Pumas. Assim, o presidente da entidade regional de rugby, Ricardo Paganini, ressalta a qualidade dos eventos realizados e afirma que será a cada dia mais aprimorado de acordo com as exigências da CONSUR.

Por ser no Rio, uma cidade turística, os jogos poderão atrair a atenção de estrangeiros e famílias inteiras devido à tradicional fama dos jogos da modalidade. O rugby é um esporte com torcidas pacíficas e em terras brasileiras, animadas. Logo, é garantia de espetáculo bem democrático!

Mais uma vez, a SporTV transmitirá os jogos, contribuindo para a divulgação do esporte e atendendo ao público rugbier que acompanha nos quatro cantos do Brasil.



Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

Já definida a data para o Universitário de Sevens 2012


O Universitário de Rugby Sevens deste ano já tem local e data para acontecer. De 18 a 20 de maio, na cidade de Lavras, acontecerão os jogos da modalidade predominante em nosso país. Com o crescimento de times universitários, o evento promete marcar o calendário rugbier do país.


O anfitrião da festa será o time Ufla Rugby, que em breve divulgará mais informações da competição.


Mais informações, acesse o blog do Ufla.



Siga o Rugby de Calcinha no twitter @rugbydecalcinha 
Continue lendo...

Arquivos

 

Rugby de Calcinha Copyright © 2009 Rugby de Calcinha